14/11/2018 - Institucional

 Fundação Vale lança a Academia de Sustentabilidade

 Um espaço para trocas entre investidores sociais voluntários




No último dia 31, a Fundação Vale e as áreas de Sustentabilidade, Recursos Humanos e Suprimentos da Vale lançaram a Academia de Sustentabilidade da Rede de Investimento Social Voluntário. Direcionada para empresas fornecedoras e clientes da Vale, a Academia foi planejada e executada em conjunto com o objetivo de proporcionar debates e trocas de conhecimento sobre assuntos na área de sustentabilidade.

O módulo inaugural reuniu 28 pessoas na sede da Firjan, no Rio de Janeiro, para discutir o tema “Leis de Incentivo Fiscal”.Por terem um trabalho relacionado ao tema do encontro, a Firjan e o Nexo Investimento Social foram grandes parceiros para a realização do evento.  Ao todo, estiveram representadas 11 instituições, entre elas, a Petrobrás, GHT, Sotreq, TCS, KOMATSU, ESCO CORP e Mitsui.  De acordo com Raquel Marques, gerente de Responsabilidade Social Corporativa e SQMS da Sotreq, o primeiro módulo da Academia contribuiu para atualização das regras de cada incentivo fiscal. “Além da condução de consultoria, foi rico conhecer como a Firjan e a Vale conduzem o assunto na prática”, contou a gerente. Para ela, participar desse primeiro módulo foi uma experiência muito positiva e oportuna. “Somos de empresas com grande potencial de contribuição para a sociedade e é muito bom perceber objetivos comuns na esfera social”, completou Raquel.

A iniciativa é um desdobramento do “Workshop Desenvolvimento Territorial: Tendências do Investimento Social Privado na Indústria da Mineração”, realizado no mês de junho com fornecedores da Vale. Desde então, a Fundação Vale está em diálogo com as empresas que participaram do workshop, estruturando uma rede de investidores sociais, com a finalidade de potencializar os impactos do investimento social voluntário. De acordo com a analista da VALER, Ariane Barros, o lançamento da Academia de Sustentabilidade foi um marco não só para a Fundação Vale, como também para a VALER, a Universidade Corporativa da Vale. “Nós acreditamos muito na transformação das pessoas, das empresas e das comunidades por meio da educação. Essa academia tem um diferencial: trazer pessoas e diferentes empresas, somando os seus conhecimentos e suas experiências, para fortalecer as nossas ações e torná-las mais impactantes”, reforça Ariane.

Nesse primeiro encontro, foram divulgados os próximos módulos da Academia de Sustentabilidade. Sob mediação da Fundação Vale, acontecerão em 2019, os módulos de Desenvolvimento Territorial, Políticas Públicas e Histórico e tendências de Sustentabilidade. Já a Vale, mediará os módulos sobre Direitos Humanos e sobre Diversidade e Inclusão. “O primeiro módulo já foi sensacional e eu tenho certeza que, ano que vem, a Academia vai gerar muitos bons frutos”, afirmou Ariane Barros.