29/03/2019 - Institucional

 Reabertura EC Brumadinho

 Estação Conhecimento planeja retomada de atividades.





A Estação Conhecimento Brumadinho foi o principal Ponto de Atendimento durante as operações de resgate e atendimento às comunidades após o rompimento da barragem de Córrego do Feijão. Ela serviu de base para a Defesa Civil, ponto de recebimento de vítimas e de acolhimento às famílias, cadastro, triagem e encaminhamento de desabrigados para hotéis, registro dos familiares para recebimento de doações, suporte assistencial e psicológico, refeitório com alimentação gratuita para as famílias, entre outros.


 
 
Estação Conhecimento se prepara para a retomada de suas atividades ​


 
 
No dia 3 de abril será realizado o primeiro encontro que marcará o reinício das atividades. A programação inicial está voltada principalmente ao acolhimento das crianças e adolescentes do turno da tarde. Estão sendo preparadas atividades lúdicas e de incentivo ao esporte. No dia 5 de abril, a mesma programação será realizada com as crianças e adolescentes do turno da manhã.


 
 
 
A partir de 8 de abril, a Estação Conhecimento Brumadinho iniciará suas atividades regulares, não perdendo de vista sua jornada socioeducativa. São oferecidas oportunidades de atendimento e desenvolvimento social às comunidades localizadas em suas proximidades, tendo como principal foco crianças e jovens de 6 e 17 anos e suas famílias. O espaço oferece a uma oportunidade de alunos da rede municipal de ensino fazerem atividades esportivas, culturais e educativas.


 
 
 
A EC Brumadinho oferecerá oficinas complementares de arte e cultura. No primeiro momento, estarão abertas para uso a piscina e a quadra poliesportiva, onde, dentre os esportes convencionais, será oferecido também o desenvolvimento da prática multiesporte que desenvolve a psicomotricidade, que é a utilização de princípios da educação física com o objetivo de promover a interação social, o respeito ao próximo e o desenvolvimento da cidadania através do esporte.

 
 
 
Os atendidos também contam com transporte, alimentação e participam de atividades de convivência e cidadania.